A serotonina é um neurotransmissor responsável pela sensação de bem-estar e alegria. Grande parte dela é produzida no intestino. A nutricionista funcional Andrezza Botelho explica que quando o intestino funciona de maneira inadequada, a serotonina não é produzida corretamente e isso favorece quadros de tristeza, desânimo e depressão.”Tanto que a maioria dos medicamentos para o problema age no ciclo da serotonina no cérebro, porém, não tratam a causa do problema, que é justamente a produção no intestino.” Manter uma alimentação que favoreça a saúde do intestino e a produção correta de serotonina é, então, um fator fortemente aliado ao combate e prevenção da depressão.

 

Veja algumas dicas da nutricionista:
» Manter a hidratação do organismo, ingerindo a quantidade correta de água;
» Ter uma alimentação rica em fibras para manter a flora intestinal saudável. Bons exemplos: farelo de aveia, frutas, verduras, legumes e biomassa de banana verde;
» Consumir alimentos ricos em nutrientes que favorecem a produção de serotonina.

 

Os principais são o triptofano, vitamina B6, ácido fólico, magnésio e feniletilamina. Abaixo alguns alimentos fonte:
Triptofano: leite e derivados, carnes, ovos, leguminosas, nozes, espinafre.
Ácido Fólico: folhas de cor verde escuro, feijão branco, laranja, aspargo, couve de Bruxelas, maçã, soja e abacate.
Vitamina B6: banana, arroz integral, feijão, batata, salmão, lentilha, aveia, abacate, nozes.
Magnésio: banana, arroz integral, batata, salmão, lentilha, aveia, abacate, nozes.
Feniletilamina: O cacau é alimento fonte dessa substância, que é precursora da serotonina.

 

De acordo com a nutricionista, é muito fácil se alimentar de uma forma que contribua com a produção de serotonina. “Como exemplo podemos citar: arroz integral com feijão, espinafre refogado, abacate amassado com mel e cacau em pó ou nibs de cacau, iogurte natural com banana picada e nozes, mingau de aveia com nibs de cacau, salmão com batatas e folhas verdes, suco detox de couve com laranja, ovos mexidos com farelo de aveia, maçã quente polvilhada com cacau”. No HSM, todos os pacientes são submetidos a uma avaliação nutricional, além da avaliação antropométrica (peso, altura, pregas cutâneas e medidas). Desta forma, é possível determinar o estado nutricional e a melhor terapia a ser adotada para cada caso. Conheça nossa estrutura e equipe.

Planos de Saúde

Vale Saúde
Unimed Intercâmbio
Unimed Federal
Unimed CT Nacional
Unimed ABC
Transmontano
SulAmérica
Sompo
Sinpeem
Sepaco
Saúde Caixa
Santa Amália
Sabesprev
Prodesp (GAMA)
Prime Saúde
Prevent Sênior
Plan-Assiste (MP FEDERAL)
Panamed Saúde
Omint
NotreDame Intermédica
Nipomed
Metrus
Mediservice
Medial
Master Line
Mapfre Saúde
Life Empresarial
Intermédica
Green Line
Gama Saúde
Fusex
EMBRATEL
Economus
Correios / Postal Saúde
Caixa Econômica Federal
Bradesco Saúde
Banco Central
APCEF/SP
AMAFRESP
Alvorecer Saúde
Aeronáutica
ABRASA
ABET
Ver todos
Consultas e Internação