Transtorno de Personalidade Narcisista

Transtorno de personalidade narcisista é um transtorno mental em que as pessoas têm uma sensação inflada de sua própria importância, uma profunda necessidade de admiração e uma falta de empatia para com os outros. Mas por trás dessa máscara de extrema confiança existe uma frágil auto-estima que é vulnerável à menor crítica.

Um transtorno de personalidade narcisista causa problemas em muitas áreas da vida, tais como relações, trabalho, escola ou assuntos financeiros. Você pode ser geralmente infeliz e decepcionado quando você não é dado os favores especiais ou admiração que você acredita que você merece. Outros podem não gostar de estar perto de você, e você pode achar que seus relacionamentos são insatisfatórios.

O tratamento do transtorno de personalidade narcisista é centrado em torno terapia (psicoterapia).

  • Atendimento particular e convênios

    Confira os convênios atendidos pelo Hospital Santa Mônica

Sintomas

Transtorno de personalidade narcisista é um dos vários tipos de transtornos de personalidade. Transtornos da personalidade são condições nas quais as pessoas têm traços que as fazem se sentir e se comportar de maneiras socialmente angustiantes, limitando sua capacidade de funcionar em relacionamentos e outras áreas de sua vida, como trabalho ou escola.

Se você tem transtorno de personalidade narcisista, você pode vir como presumido, jactancioso ou pretensioso. Você frequentemente monopoliza conversas. Você pode depreciar ou desprezar as pessoas que você percebe como inferiores. Você pode sentir uma sensação de direito – e quando você não recebe tratamento especial, você pode ficar impaciente ou com raiva. Você pode insistir em ter “o melhor” de tudo – por exemplo, o melhor carro, clube atlético ou cuidados médicos.

Ao mesmo tempo, você tem problemas para lidar com qualquer coisa que possa ser percebida como crítica. Você pode ter sentimentos íntimos de insegurança, vergonha, vulnerabilidade e humilhação. Para se sentir melhor, você pode reagir com raiva ou desprezo e tentar diminuir a outra pessoa para parecer superior. Ou você pode se sentir deprimido e temperamental porque você está aquém da perfeição.

Muitos especialistas usam os critérios do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-5), publicado pela American Psychiatric Association, para diagnosticar condições mentais.

Os critérios do DSM-5 para o transtorno de personalidade narcisista incluem essas características:

  • Ter um sentido exagerado de auto valorização;
  • Espera ser reconhecido como superior mesmo sem conquistas que o justifiquem;
  • Exagera suas realizações e talentos;
  • Preocupa-se com fantasias sobre o sucesso, o poder, o brilho, a beleza ou o companheiro perfeito;
  • Acredita que você é superior e só pode ser entendido por ou associar com pessoas igualmente especiais;
  • Exigindo admiração constante;
  • Ter um senso de direito;
  • Esperando favores especiais e cumplicidade inquestionável com suas expectativas;
  • Se proveita dos outros para obter o que você quer;
  • Ser incapaz ou ter falta de vontade para reconhecer as necessidades e sentimentos dos outros;
  • É invejoso dos outros e crê que os outros o invejam;
  • Comporta-se de uma maneira arrogante ou altiva.

Embora algumas características do transtorno de personalidade narcisista possam parecer ter confiança, cruza a fronteira da confiança saudável em pensar tão altamente de si mesmo que você se coloca em um pedestal e se valoriza mais do que valoriza os outros.

Quando consultar um médico

Quando você tem transtorno de personalidade narcisista, você pode não querer pensar que algo que poderia estar errado – fazer isso não cabe com a sua auto imagem de poder e perfeição. Pessoas com transtorno de personalidade narcisista são mais propensos a procurar tratamento quando desenvolvem sintomas de depressão – muitas vezes por causa de críticas percebidas ou rejeições.

Se você reconhece aspectos de sua personalidade que são comuns ao transtorno de personalidade narcisista ou se você está se sentindo oprimido pela tristeza, considere passar por uma avaliação com um médico de confiança. Obter o tratamento certo pode ajudar a tornar a sua vida mais gratificante e agradável.

Fonte: Mayo Clinic, USA

  • Esclareça suas dúvidas

    Saiba mais sobre tratamentos e internações